Publicidade

Veja as datas de Campanha Eleitoral 2020!

Categoria(s): Eleições 2020
26/07/20 13:31 - Atualizado em 25 de setembro de 2020

Fique atento quanto as principais datas de Campanha Eleitoral.

Neste ano de 2020, nos dias 15 e 29 de novembro, iremos votar para prefeito e vereadores.

Mas a Campanha Eleitoral é muito mais do que os dois dias do pleito.

Publicidade

Sobretudo, veremos neste artigo as principais datas até a divulgação dos resultados eleitorais e a diplomação.

O que faz um Vereador e como ele se elege?

Financiamento Coletivo

Em 2017 foi aprovada mais uma forma de financiamento das campanhas eleitorais.

Também conhecido como financiamento coletivo, crowdfunding ou vaquinha eleitoral.

Publicidade

Essa modalidade de arrecadação de recursos visa suprir os recursos das empresas que foram proibidas de doar na Campanha Eleitoral.

Publicidade

Dessa forma, usa-se tecnologia e sites especializados em doações como arrecadação de recursos individuais.

Então, as pessoas simpatizadas com determinados candidatos doam recursos financeiros a serem usados em Campanha Eleitoral.

Calendário Campanha Eleitoral 2020

É importante ficar atento, pois este ano tivemos alteração no calendário eleitoral.

Sendo assim necessário ainda mais atenção as datas extraordinárias da Campanha Eleitoral de 2020.

15 de maio

Em 15 de maio, foi estabelecido a prestação de contas relacionadas ao financiamento coletivo.

Ou seja, todos os valores arrecadados deverão e serão registrados e depois o partido prestará contas à justiça eleitoral.

Os recursos acumulados a partir desta data só poderão ser liberados quando o registro de candidatura estiver confirmado.

11 de agosto

A partir desta data, os pré-candidatos ficam proibidos de apresentar programas de televisão e rádio.

Também ficam proibidas as propagandas de órgãos do governo da organização direta ou indireta.

Essas medidas visão a igualdade de condições entre os candidatos, sejam eles figuras públicas da televisão, rádio, membros do governo ou não.

Entre 31 de agosto e 16 de setembro

Este é o período das convenções partidárias de escolha dos candidatos e definição das coligações na Campanha Eleitoral.

Neste ano de 2020 teremos mudanças em relação às coligações, já que elas só poderão acontecer ao cargo de prefeito.

Não serão mais permitidas coligações em cargos proporcionais, ou seja, vereadores e deputados.

Além disso as convenções poderão ser feitas virtualmente, isso devido a pandemia do Covid-19.

Entre 31 de agosto e 26 de setembro

Os partidos têm esse período de registro oficialmente das candidaturas na Campanha Eleitoral.

27 de setembro

Será o início das propagandas eleitorais em todas as mídias, inclusive na internet.

Os partidos ficam livres também de organizarem os comícios nos municípios.

campanha eleitoral

9 de outubro

Início da propaganda eleitoral gratuita na televisão e no rádio do primeiro turno do Campanha Eleitoral.

12 de outubro

Este é o último dia de propaganda eleitoral na televisão e no rádio.

15 de novembro

Começa o primeiro turno das eleições a prefeito e vereador.

20 de novembro

Inicia-se a propaganda no rádio e na televisão referente ao segundo turno.

29 de novembro

Ocorre o segundo turno das eleições como prefeito e vereador.

15 de dezembro

Essa é a data limite dos partidos políticos encaminhem à justiça eleitoral as prestações de contas da Campanha Eleitoral.

A prestação é um dever de todos os candidatos com seus vices e suplentes, pois garante a transparência e legitimidade do pleito.

Se acaso o candidato desistir da candidatura ou venha a ser impedido, ele deve prestar contas do período em que foi candidato.

Na hipótese de o candidato não prestar contas, ele não poderá ser diplomado.

Todas as informações de gastos em campanhas são tornadas públicas por meio dos portais da justiça eleitoral.

18 de dezembro

Está é a data limite da diplomação dos candidatos eleitos.

A diplomação é o ato no qual a justiça eleitoral atesta se o candidato foi mesmo eleito pelo povo.

Publicidade

Portanto, se o mesmo candidato eleito está apto a tomar posse do cargo.

No caso dos municípios, quem entregará os diplomas serão as juntas eleitorais.

Feita a diplomação, está encerrada, definitivamente, a Campanha Eleitoral de 2020.

Considerações Finais sobre a Campanha Eleitoral

Este ano, sobretudo, devido a pandemia do Covid-19, o calendário eleitoral foi alterado.

Contudo de modo a precisar estar atento as novas datas, evitando perder os compromissos com a justiça eleitoral.

Além disso, a pandemia trouxe algumas alterações no dia da votação.

No entanto, desta vez não haverá a exigência de cadastro biométrico.

Portanto, estude os candidatos, veja quais são os melhores para o seu município e faça um voto consciente.

Saiba como votar nas Eleições para Prefeito e Vereador!

Conteúdos relacionados à este

Como emitir seu primeiro Título de Eleitor Online?

Como emitir seu primeiro Título de Eleitor Online?

Para poder votar e exercer os direitos políticos, a inscrição no alistamento eleitoral, é necessário a emissão do primeiro Título de Eleitor no caso de ser sua primeira emissão. De acordo com o Art. 14 da Constituição Federal, o voto é facultativo somente para jovens...

ler mais
Saiba como regularizar Título de Eleitor Online!

Saiba como regularizar Título de Eleitor Online!

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) aprovou o serviço online que facilita regularizar Título de Eleitor Online sem precisar sair de casa. Em princípio, para uma situação eleitoral adequada, não deve haver motivo de anulação ou suspensão de direitos políticos. Em 2022,...

ler mais
Qual a importância do Título de Eleitor?

Qual a importância do Título de Eleitor?

É muito importante que todos os eleitores do Brasil estejam em dia com a justiça eleitoral e tenham em mãos, seja em cédula de papel ou um dos personagens mais importantes nos pleitos realizados em nosso país, o Título de Eleitor. O ano de 2022 é um ano muito...

ler mais

Deixe um comentário aqui